Notícias: Notícia

Solenidade marca inauguração do Anexo Administrativo do TRF3 e das novas instalações do Fórum Criminal da Capital
Em uma solenidade que contou com a presença do Ministro de Estado Aldo Rebelo, Chefe da Secretaria de Coordenação Política e Assuntos Institucionais da Presidência da República, do Presidente do Superior Tribunal de Justiça, Ministro Nilson Naves e dos Ministros Ari Pargendler e José Arnaldo Fonseca, também do STJ, a desembargadora federal Presidente do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, Anna Maria Pimentel, inaugurou, na tarde desta segunda-feira (09/02), o Anexo Administrativo do TRF3 e as novas instalações do Fórum Criminal da Capital - Seção Judiciária do Estado de São Paulo. O edifício, conhecido por Torre Beta, fica na Alameda Ministro Rocha Azevedo, n.º 25, Cerqueira César, São Paulo.
Representando a classe dos advogados, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil - Secção São Paulo, Luiz Flávio D´Urso argumentou, em seu discurso, que reforma do judiciário significa adicionar e agregar e que o TRF3, a sua maneira, está promovendo essa reforma com a inauguração do novo prédio. "O Poder Judiciário de um país democrático há de procurar consolidar a segurança jurídica, na busca do ideal de harmonia social", concluiu o advogado.
Já o Chefe da Procuradoria Regional da República da 3ª Região, José Leonidas Belém de Lima afirmou que "para efetivar a Justiça é necessário que se propiciem os meios", parabenizando, assim, o crescimento do Judiciário com as novas instalações.
Para o presidente do STJ, ministro Nilson Naves, "os cinco Tribunais Federais têm cumprido o seu papel e a Justiça Federal tem acompanhado as exigências dos novos tempos". Ao comentar o controle externo do Judiciário, o Ministro foi contundente e citou o poeta russo Vladimir Maiakovsky " na primeira noite, eles se aproximam, colhem uma flor do nosso jardim e não dizemos nada. Na segunda noite, já não se escondem: pisam nas flores, matam nosso cão e não dizemos nada. Até que um dia, o mais frágil deles entra sozinho em nossa casa, rouba-nos a lua e, conhecendo nosso medo, arranca-nos a voz da garganta. E porque não dissemos nada, já não podemos dizer nada ".
Em seu discurso, o Ministro Chefe da Secretaria de Coordenação Política e Assuntos Institucionais da Presidência da República, Aldo Rebelo, enfatizou a importância de um Judiciário forte ."Eu posso assegurar, Presidente Anna Maria Pimentel e demais magistrados aqui presentes, que do ponto de vista da nossa opinião, da opinião do governo do Presidente Lula, não existirá reforma do Judiciário contra o Judiciário", afirmou o Ministro, complementando que "não haverá soberania nacional se não houver soberania jurídica".
No encerramento da cerimônia, a desembargadora federal Presidente do TRF3, Anna Maria Pimentel, lembrou uma crônica da escritora goiana Cora Coralina. O texto relata o drama de uma mãe em desespero, sem ter o que dar de comer aos filhos. Ela conta apenas com a providência Divina para saciar a fome dos seus.
Usando a forte analogia, Anna Maria Pimentel afirmou que " vivemos tempos difíceis e de fome também de justiça". "Ao Poder Judiciário impende ocupar o espaço social, moral, político e institucional que a sociedade imagina e deseja. Há anos, temperado por diversos interesses, o caldo dos diagnósticos e debates acerca da reforma do sistema judicial e legal, permanece em cozimento. É preciso saciar a fome de justiça", concluiu a Desembargadora Federal Presidente do TRF3.
Estavam presentes no evento desembargadores federais e outras autoridades do Judiciário, Parlamentares e representantes do Poder Executivo Estadual e Municipal.

Clique abaixo e veja a íntegra do discurso da desembargadora federal Presidente do TRF3, Anna Maria Pimentel.


discursopresidente.doc
Visitas a notícia

Esta notícia foi visualizada 868 vezes.

Assessoria de Comunicação Social do TRF3 - 3012-1329/3012-1446

Email: acom@trf3.jus.br



Dados para pesquisa de notícias


Tribunal Regional Federal da 3ª Região
Av. Paulista, 1842 - Cep: 01310-936 - SP - © 2010