Notícias: Notícia

JUSTIÇA FEDERAL ASSINA CONVÊNIO QUE PERMITE AGILIDADE NA IDENTIFICAÇÃO DE RÉUS E EXECUTADOS

Acordo foi assinado hoje (16) durante reunião do CJF em Maceió

A identificação, pelos juízes, de réus e pessoas que tenham dívidas a serem executadas na Justiça Federal ficará muito mais ágil. Na manhã desta sexta-feira (16), os cinco Tribunais Regionais Federais aderiram ao convênio de cooperação institucional firmado entre o Conselho da Justiça Federal (CJF), Superior Tribunal de Justiça (STJ) e Banco Central, que permite utilização de mecanismo de consulta ao Cadastro de Clientes do Sistema Financeiro Nacional (CCS).

A consulta abrirá caminho para a Justiça Federal consultar o cadastro para identificação das instituições financeiras com as quais o correntista ou o cliente, e seus representantes legais ou convencionais, mantêm relacionamento, o que vai facilitar a identificação de réus e executados de forma rápida, acelerando assim a prestação jurisdicional.

O convênio foi assinado durante sessão do Conselho da Justiça Federal realizada na Seção Judiciária do estado de Alagoas, em Maceió, e foi presidida pelo também presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministro Humberto Gomes de Barros, que conta com a presença, entre outros, da presidente do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, desembargadora federal Marli Ferreira.


Assessoria de Comunicação, com informações do Conselho da Justiça Federal

Visitas a notícia

Esta notícia foi visualizada 640 vezes.

Assessoria de Comunicação Social do TRF3 - 3012-1329/3012-1446

Email: acom@trf3.jus.br



Dados para pesquisa de notícias


Tribunal Regional Federal da 3ª Região
Av. Paulista, 1842 - Cep: 01310-936 - SP - © 2010