TRF3 SP MS JEF

acessibilidade

Transparência e Prestação de contas
ícone de acesso à internet Acesso à Internet
Menu

05 / dezembro / 2023
Prêmio Corregedoria Ética será entregue no 8º Fonacor

Evento vai reunir os órgãos correcionais de todos os segmentos de Justiça

Com o objetivo de debater e aprovar as metas e diretrizes estratégicas para o ano de 2024, a Corregedoria Nacional de Justiça realiza, no dia 14 de dezembro, o 8º Fórum Nacional das Corregedorias (Fonacor). O evento vai reunir os órgãos correcionais de todos os segmentos de Justiça na sede do Conselho Nacional de Justiça, das 9h às 17h. Um dos destaques desta edição será a entrega do Prêmio Corregedoria Ética – Eficiência, Transparência, Inovação, Celeridade e Aprimoramento.

Criado pela Corregedoria Nacional de Justiça por meio do Provimento n.154/2023, o reconhecimento será concedido uma vez por ano para incentivar o alcance das metas nacionais e das diretrizes estratégicas das corregedorias.

Inscreva-se no 8º Fonacor.

A premiação será concedida em duas modalidades: Desempenho e Boas Práticas. Na primeira categoria, o reconhecimento será concedido aos órgãos que alcançarem os melhores resultados da média dos indicadores de cumprimento das Metas Nacionais das Corregedorias. Já na modalidade Boas Práticas, concorreram ações relacionadas ao cumprimento das Diretrizes Estratégicas.

Além de receberem troféus, os premiados terão as práticas divulgadas na página da Corregedoria Nacional na internet. As iniciativas foram avaliadas com base nos seguintes critérios:

Eficiência: demonstração da economicidade entre os recursos utilizados e os resultados alcançados pela prática;

Transparência: demonstração da publicidade das informações e ações correicionais e observância da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD);

Inovação: a prática deve ter sido capaz de provocar mudanças positivas por meio da implementação de novas técnicas, metodologias e outras estratégias criativas;

Celeridade: demonstração da agilidade alcançada pela prática no desempenho das atividades de sua competência;

Aprimoramento: a prática deve ter sido capaz de dar evolução à processos de trabalho, práticas ou atividades anteriormente desenvolvidas.

Agência CNJ de Notícias

Assessoria de Comunicação Social do TRF3  

Siga a Justiça Federal da 3ª Região nas redes sociais: 

TRF3: InstagramFacebookTwitter e Linkedin
JFSP: InstagramFacebook e Twitter 
JFMS: Instagram e Facebook

Visitas a notícia

Esta notícia foi visualizada 264 vezes.

Assessoria de Comunicação Social do TRF3

Email: acom@trf3.jus.br



Compartilhar
Pesquisa de notícias

Dúvidas » Email : acom@trf3.jus.br