CORREGEDORIA DA JUSTIÇA FEDERAL DA 3ª REGIÃO ADOTA MEDIDAS PARA PRESERVAR PROVAS DE INVESTIGAÇÃO

Acesso à 21ª Vara Cível só pode ser realizado com autorização judicial

A Corregedoria Regional da Justiça Federal da 3ª Região proibiu o acesso às dependências e a retirada de autos físicos da 21ª Vara Federal Cível de São Paulo, alvo de mandado de busca e apreensão cumprido ontem, em inquérito conduzido pelo Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3). A entrada de juízes, servidores, terceirizados e público em geral só poderá ser realizada com autorização de juiz indicado pela Presidência do TRF3.

No despacho, a Corregedoria também acolheu pedido do Ministério Público Federal (MPF) e determinou o acautelamento de um processo relacionado às investigações. As medidas têm como objetivo preservar as provas do inquérito que apura crimes cometidos por agentes públicos e advogados.

Assessoria de Comunicação Social do TRF3

Visitas a notícia

Esta notícia foi visualizada 521 vezes.

Assessoria de Comunicação Social do TRF3 - 3012-1329/3012-1446

Email: acom@trf3.jus.br



Pesquisa de notícias


Tribunal Regional Federal da 3ª Região
Av. Paulista, 1842 - Torre Sul - Bela Vista
01310-936 - São Paulo - SP
PABX: (11) 3012-1000
Horário de atendimento das 9h às 19h